Quem seremos depois da quarentena?

Quem seremos depois da quarentena?

Quem seremos depois da quarentena?

Um turbilhão de emoções nos afeta nessa quarentena: momentos de raiva, estresse, se alternando com períodos de calmaria, a falta do contato com amigos, familiares, preocupações com a saúde, com o emprego, com a economia, com as pessoas em situação mais vulnerável e com conflitos na política do país.

Como ter um relacionamento saudável e não brigar com aqueles que estão perto, controlar a raiva, não desanimar, ter esperança… Como lidar com tudo isso? A vida vai voltar a ser como antes? O que vai mudar?

Quando a quarentena acabar e pudermos regressar ao convívio com as pessoas, como estaremos todos?

Tais questionamentos e constatações nos inquietam, tanto no plano individual como quanto nos relacionamentos sociais.

Nossa capacidade de lidar com as emoções, ter atitudes adequadas e construir relacionamentos saudáveis é a chave de resposta para o momento de crise e de pandemia.

Vamos exercitar nosso autocontrole em relação ao estresse da vida doméstica, olhar para fora de nosso ambiente com empatia, nos sensibilizar com as dificuldades das pessoas e tomar decisões responsáveis, seguras, mantendo as relações saudáveis. Assim, estaremos mais bem preparados para voltar ao convívio com ou outros e exercer uma cidadania global.